sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Bom dia, flor! (Parte 2)

A noite inteira sem pregar os olhos, olhando para a lua e pensando na maneira de agradá-la, sem demonstrar interesse e sem causar espanto. Se eu vestir meu melhor traje, vou parecer materialista demais, no caso contrário, vou aparentar desleixo. Nem agridoce posso ser, seria um doce-meio-amargo. E quem não sabe o que significa isso,esqueça, é sem relevância. O melhor a fazer é agir naturalmente, mas já sinto minhas pernas trêmulas, só em imaginar, frente a frente, eu-ela-ela-eu. Vou chamá-la para nos embebedarmos com o vinho do amor. Droga! Esqueci. Ela detesta vinho, só bebe tequila. Chegando perto da meia-noite, desisti de esperar e então fui, a chamei, fomos e pedi tequila porque esqueci que ela só bebe vinho. Como sou desligado, assim ela vai detestar minha companhia e de manhã não me liga de volta, não lembro de ela ter dado seu número, nem telefone celular ela possui.
Mais um dia e acordo ansioso para revê-la, sei que ela estará lá, no mesmo local de sempre, à minha espera. Está apaixonada, tenho certeza disso. A cada passo, meu coração acelera, acho que vou enfartar de tanta emoção. Cheguei ao trailer, ao menos até o local onde o mesmo deveria estar. No entanto, só havia um vazio, uma árvore, que não trazia mais ar puro e um pássaro, que perdeu o canto. Minha querida Nandina deixe de brincar de esconde-esconde, impossível não ter deixado pistas para eu te encontrar. Veja só! Olha quem eu vejo, sabia que só se tratava de uma brincadeira, sua boba, quase que me enganou, hein? Ah! Desculpe, atrapalhando sua meditação, me perdoe, querida. Aliás, trouxe algo para vivermos os momentos mais alucinantes de nossas vidas, é só ingerir três cápsulas dessas e pronto, começará nossa viagem. Está preparada? Não sinta medo.

Um comentário:

Rubian'Calixto disse...

meu Deus!!!
seria um LCD ou Plasma??
hasuhasushsushsu xD